Compartilhar é se importar!

Selic - Tire Suas Dúvidas

Tire suas dúvidas sobre a taxa SELIC

O que é a taxa SELIC?

Simplificando, é a taxa básica de juros da economia brasileira. O termo SELIC é uma sigla que significa Sistema Especial de Liquidação e Custódia. Essa taxa é utilizada no mercado interbancário para operações lastreadas em títulos públicos federais e servem para o financiamento de operações com duração diária. Hoje em dia, a taxa SELIC é obtida através de um sistema computadorizado, usado pelo Estado e a cargo do Banco Central do Brasil. A utilização é necessária em função do controle durante a emissão ou a compra e venda de títulos.

Como a taxa SELIC é calculada?

A taxa SELIC é obtida através de uma média ponderada calculada com os juros praticados pelas instituições financeiras. Essa taxa hoje em dia anualmente fica em cerca de 6,5%, porém sempre pode sofrer variações. É importante que o investidor acompanhe a flutuação. Dessa forma, você poderá entender e considerar quais investimentos podem render melhor para você no momento. A consideração da taxa SELIC para seus investimentos pode fazer toda a diferença.

Como a taxa SELIC foi criada?

Houve a necessidade, por parte do governo de obter dinheiro para quitação de suas dívidas e a viabilização de investimentos. A taxa foi concebida em 1999 primeiramente, a legislação posteriormente sofreu alterações. Desde 18 de abril 2002 a taxa Selic sofreu algumas alterações. E em 2017 houve a Circular nº 3.868, de 19 de dezembro de 2017. Essa circular é a que define a taxa atualmente. Originalmente foi publicada pelo Banco Central e atualmente é definida como participante da regulaentação do Copom. O Copom é o atual Comitê de Política Monetária, instituído pelo BC para definir as políticas monetárias do país.

Fórmula de Cálculo da taxa média SELIC:

A taxa de financiamento ajustada para as operações financeiras no país tem a seguinte fórmula no SELIC:

Na fórmula: Lj é o valor diário da j-ésima operação, V-j é o financeiro da j-ésima operação e “n” é o número total de operações de amostra. As amostras também são tiradas com base em um percentual de operações. Excluindo, assim, o que pode ser considerado como operações atípicas. Essas seriam operações incomuns com fatores diários maiores ou menores do que o típico.

A taxa SELIC influencia os seus investimentos?

A resposta é sim, essa taxa hoje é considerada um indicador muito importante para os investidores. Além dos impostos, o governo usa a arrecadação de dinheiro através do Tesouro Nacional. A Secretaria do Tesouro emitirá então, os títulos públicos com o intuito de arrecadar os recursos. A grande maioria dos Títulos do Tesouro é comprada pelos bancos. Além disso todo banco tem a obrigação legal de depositar um percentual de seus depósitos no BC.

O impacto em seus investimentos ocorrerá sobretudo em títulos indexados pela taxa SELIC. Assim, o aumento da taxa SELIC aumentará a sua rentabilidade. É uma lógica bem simples e o título indexado diretamente a essa taxa é o LFT (que é o tesouro SELIC no mundo dos investimentos). O seu investimento, portanto, renderá na mesma proporção da taxa SELIC. Além disso, os investimentos na caderneta de poupança também serão influenciados, além do CDI. Se os títulos privados do banco forem usados como garantia entre empréstimos, a taxa de juros usada será com base no CDI.

É importante considerar que tanto a SELIC quanto o CDI possuem os mesmos valores e são indexados de forma muito semelhante. Dessa forma, se a Selic aumentar o CDI também aumentará e vice-versa.

Relação entre a taxa SELIC e a inflação:

O aumento da taxa SELIC pode fazer a inflação diminuir. É uma relação hipotética porque considera-se que as pessoas consumam mais quando não têm tanto incentivo para fazerem investimentos de renda fixa. Assim, as pessoas podem preferir investir dinheiro em vez de comprar bens e mercadorias de consumo imediato, como carros por exemplo. O aumento da taxa SELIC, então, pode ser usado pelo governo para baixar a inflação fazendo o consumo cair. Consequentemente, isso gerará uma diminuição da procura e aumento da oferta. Como o mercado é uma grande relação entre oferta e procura. Consequentemente, a alta na quantidade de produtos no mercado gerará uma diminuição nos seus preços. A inflação será somente incentivada quando o governo quiser pagar um preço em função do crescimento econômico do país.

É possível ganhar mais em investimentos do que a SELIC?

Há inúmeras outras possibilidades de investimentos que se configuram como opções para uma lucratividade acima da taxa Selic. Bancos que não são estatais podem estar interessados em atrair financiadores e por isso remunerarem mais do que a taxa SELIC.

Investimento que são alvo dessas taxas para atrair investidores:

  • CDB (Certificado de Depósito Bancário): os bancos emitem esse título para poderem se capitalizar.
  • LCA (Letras de Crédito do Agronegócio): emitidas pelas instituições financeiras com o intuito angariar recursos ao setor agrícola.
  • LCI (Letras de Crédito Imobiliário): crédito nominativo que representa promessa de pagamento em dinheiro e tem alta rentabilidade.
  • LC (Letras de Câmbio): títulos de renda fixa oferecidos por sociedades de crédito, investimento e financiamento.

O risco para as operações citadas acima é relativamente baixo em consideração à compra de títulos do governo diretamente. Esses títulos de investimento são muito procurados justamente pela sua alta rentabilidade. Por outro lado, é importante estar atento para o fato de esses títulos de renda fixa serem tributáveis pelo Imposto de Renda. Além disso, pode haver uma carência para a retirada de fundos e os investimentos precisarão ter um montante maior do que os concorrentes no Tesouro Direto.

Os brasileiros estão investindo mais:

O número de brasileiros que estão procurando obter rentabilidade através de investimentos está crescendo nos últimos anos. Com certeza os investimentos de renda fixa são muito interessantes pois podem gerar maior rentabilidade do que os que operam pela taxa Selic. No entanto, para quem busca principalmente a alta rentabilidade, o investimento na Bolsa de Valores continua sendo o mais atraente. O desconto de todos os seus investimentos da inflação será um ótimo indicador para sua rentabilidade. Quando o cálculo é feito com a subtração da inflação ficará claro qual investimento foi mais rentável em determinado período de tempo.

Os incentivos por parte dos governos e dos bancos fizeram os investimentos em geral ficarem mais seguros e com rentabilidade mais alta. Isso chamou a atenção dos brasileiros, fazendo a quantidade de investidores crescer apesar das mudanças políticas, da crise econômica e alta da inflação. Além disso, com a segurança oferecida nas operações de investimento por parte dos bancos e corretoras, essas passaram a ser alternativas muito atrativas para os brasileiros. As opções diversificadas e facilitadas também tornaram possível que o brasileiro se transformasse em um povo mais investidor desde 2016.

Também é importante dizer que qualquer investimento é um risco, mas principalmente os de renda variável. Com sabedoria sobre o mercado financeiro será possível obter uma rentabilidade alta a riscos baixos, com garantias de retorno.

Uma base de cálculo para ficar de olho na sua rentabilidade

A taxa Selic é importante como indicador da rentabilidade para seus investimentos. Mesmo que você não tenha investimentos indexados por essa taxa, saiba que é importante para a economia do país. Através dos seus índices é possível ter uma base de previsão também para os rendimentos. Bem como obter previsões sobre os melhores investimentos. Sempre é importante avaliar o quanto a taxa Selic pode impactar, cotidianamente, os seus investimentos. Esteja sempre atento às tabelas e índices relacionados à ela, principalmente se seus investimentos estiverem diretamente indexados a partir das taxas indicadas. Portanto, avalie sempre seus investimentos tomando em consideração a taxa SELIC. Em conclusão, pode-se dizer que a taxa SELIC é um importante indicador para o mundo dos investimentos. Mesmo quando os ativos e investimentos não são indexados por esse indicador.

Compartilhar é se importar!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *